Compensados para rampas de skateboarding

Inspirado pelas ondas do mar, o Skateboarding é um esporte radical e democrático.

Não há idade, gênero ou classe social para a prática, que ganha sempre novos adeptos na busca por adrenalina, diversão e, até mesmo, expressão.

O esporte traz inúmeros benefícios para corpo e mente nas criativas manobras e seus diversos níveis de dificuldade.

Ao se equilibrar sobre o shape, o skateboarder compete com si mesmo e supera medos. E mesmo sendo um esporte individual, geralmente é praticado em grupos – o que favorece a interação.

As manobras freestyle são realizadas sem obstáculos, no chão. Já o skate de rua faz das instalações urbanas, calçadas e corrimões, seus obstáculos para a execução de inúmeros movimentos.

Para a prática vertical são utilizadas as pistas half-pipe, em forma de U, podendo ser de madeira ou concreto.

Há também os bowls de concreto, descendentes das vazias piscinas americanas, para a prática de pool riding.

As pistas podem ser utilizadas também para manobras com patins ou bicicleta.

Entre tantas práticas e pistas, há também as mini ramps. Com pouca altura, facilitam a execução de manobras, sendo ideal para quem está começando.

Geralmente instaladas no quintal de casa, são as mais desejadas, pois dão maior liberdade e mais segurança, além da possibilidade de serem protegidas do calor e da chuva.

Dicas para quem quer construir uma minirrampa

 
Existem inúmeros tutoriais pela internet que ajudam na construção de uma rampa. Não hesite em consultar alguém com experiência, dependendo da complexidade do projeto.

Se a construção da rampa for no quintal de casa, procure utilizar o espaço ao seu favor, respeitando o espaço dos outros e dos vizinhos.

Se a rampa ficar exposta ao tempo, o ideal é que ela seja construída em uma superfície cimentada ou em cima de blocos de concreto. Para aumentar ainda mais a sua durabilidade, cubra com uma lona plástica.

Se a rampa for portátil, considere um local para abrigá-la.

Os compensados utilizados para a construção das pistas e rampas de skate são os navais. Suas lâminas são unidas com cola à prova d’água.

A madeira serrada utilizada para a estrutura é autoclavada, seus tratamentos preservativos aumentam a durabilidade da rampa.

As emendas das chapas devem permanecer em cima dos caibros de madeira.

Utilize parafusos ao lugar de pregos, eles oferecem mais estabilidade a sua rampa.

O coping é o cano de aço que faz o acabamento da rampa, a borda, e serve de apoio para o eixo ou as rodas do skate nas manobras.

A rampas podem ainda receber acabamentos em Eucatex, uma chapa mais fina e lisa, porém o material não pode entrar em contato com umidade.

Ou o famoso Skatelite, utilizado em campeonatos. Trata-se de uma chapa com um acabamento resistente à umidade e que combina os elementos certos para proporcionar velocidade, atrito, durabilidade e flexibilidade.

Recommended Posts

Leave a Comment